FOCONEWS - Jornal Online
FocoNews online

Cidade

TJ aceita denúncia contra promotora acusada de matar o marido em SP
Data: 05/12/2017

Advogado foi morto em escritório em São Bernardo do Campo, no ABC

O Tribunal de Justiça de São Paulo aceitou a denúncia do Ministério Público contra a promotora de Justiça Cristiane Helena Leão Pariz acusada de matar o marido, o advogado João Marcelo Bijarta Ferraioli, em maio de 2015. A defesa da promotora entrou com recurso contra a decisão. A morte do advogado aconteceu no escritório dele em São Bernardo do Campo, no ABC, e foi registrada inicialmente como suicídio, porém as investigações do Ministério Público concluíram que Cristiane matou o advogado com um tiro na cabeça. Segundo a denúncia, o crime teria sido motivado por desentendimentos entre o casal e a suposta ameaça de divulgação de um vídeo nas redes sociais, que teria sido gravado por Ferraioli. Cristiane foi denunciada por homicídio qualificado por uso de recurso que dificultou a defesa da vítima. Os advogados da promotora entraram com embargos no Órgão Especial do Tribunal de Justiça contra a decisão. Segundo o advogado Leonardo Carvalho Rangel, que defende Cristiane, enquanto o recurso não for julgado, a decisão do Tribunal que aceitou a denúncia permanecerá pendente. Segundo a Procuradoria-Geral de Justiça, a promotora está afastada das funções no Ministério Público desde julho deste ano.

Link Notícia:

© 2017 Pesabreu WMS