FOCONEWS - Jornal Online

Esportes

O desejo: Ricardo Goulart. O medo: Dudu na China
Data: 08/11/2018

O meia atacante Ricardo Goulart agora quer jogar no Palmeiras. O clube tenta sua contratação há um ano e meio. Mas Dudu está disposto a sair

São Paulo, Brasil Alexandre Mattos estava quase convencendo Ricardo Goulart a jogar no Palmeiras em 2017. Seria o grande presente para Cuca para a sequência da Libertadores. O técnico assumiu em maio, depois da demissão de Eduardo Baptista. Só que dois personagens foram fundamentais para a negociação não ser fechada. O primeiro foi Paulinho. Quando o volante foi contratado pelo Barcelona, o meia acreditou que uma barreira fundamental havia sido quebrada. E ele aproveitaria. Um dos maiores clubes do mundo buscava, sem pudor, jogador atuando na China, país periférico no futebol. Se o volante foi para o Barcelona, não seria pecado desejar o Atlético de Madrid, o Arsenal, a Inter de Milão. E outra figura a convencer o meia atacante a não retornar no ano passado tem nome e sobrenome. Luiz Felipe Scolari vislumbrava a mesma chance de o jogador atuar no futebol europeu. Mas antes, continuar a ganhar seu salário irreal para o futebol brasileiro, cerca de R$ 2 milhões, sendo peça fundamental do Guangzhou Evergrande, que pagou 18 milhões de euros, cerca de R$ 78 milhões, em 2015. Disse não ao Palmeiras. Só que o sonhado clube grande europeu não apareceu. Nem médio. Ele seguiu no Guangzhou. Foi mais uma vez campeão chinês com Felipão. E logo deu adeus ao treinador que não renovou seu contrato. Vieram duas outras janelas e Goulart se viu sem seu treinador de confiança. O italiano Fabio Cannavaro foi contratado. Pior, Paulinho foi mandado de volta para a China, prejudicando as perspectivas de que quem atua no país de ir para um grande europeu. O Brasil fracassou na Copa. E ainda, Cannavaro não tem o encanto de Felipão por seu futebol. Se tornou reserva. Em abril, o brasileiro, que tem contrato até 2020, recebeu uma proposta de renovação de contrato até 2022. Ele negou. Pensou que facilitaria a negociação com qualquer equipe europeia. Mas apenas desperdiçou a chance de ganhar um aumento. E, lógico, ter a multa aumentada. O jogador chega ao final do ano no seu pior momento na carreira. Além de reserva, teve de fazer uma artroscopia no joelho direito. Os contatos com Alexandre Mattos, companheiros desde o Cruzeiro, nunca cessaram. O dirigente nunca desistiu de contratá-lo. E ganhou uma arma poderosa. Luiz Felipe Scolari. O treinador também o deseja em 2019. Goulart já está milionário depois dos três anos na China. Term 27 anos. E quer fazer sua recuperação da cirurgia no Palmeiras. Não no Cruzeiro, clube que o quer de volta. A contratação será tentada e sem a participação efetiva da Crefisa. O clube tem dinheiro suficiente para uma grande proposta. Por empréstimo ou mesmo a compra. Há a promessa de grandes reforços para o próximo ano, o primeiro com o uniforme feito pela Puma, que promete internacionalizar o clube. Fazê-lo mais conhecido no planeta. Para este objetivo é necessário um grande time e conquistas importantes, como a Libertadores e o Mundial. Além disso, há outras duas possibilidades, que a diretoria não assume publicamente. A primeira é a de uma troca por Dudu. Com retorno financeiro ao Palmeiras. O melhor jogador do Campeonato Brasileiro vem sendo sondado pelo futebol chinês há dois anos. Ganhou aumento para ficar, mas não recebeu nem um quinto do que poderia ganhar atuando no Oriente. Dudu fará 27 anos em janeiro. E está disposto a fazer o 'contrato de sua vida', em 2019. Por isso não está descartada a ida para o Guangzhou. Outra possibilidade é Lucas Lima. O jogador de 28 anos não conseguiu se firmar no Palmeiras. Mostrar o futebol exuberante que a diretoria esperava. E ele também já foi muito cobiçado pela China. É um jogador caríssimo aos cofres do time paulista. Pode ser envolvido em uma possível transação por Ricardo Goulart. Mauricio Galiotte e Alexandre Mattos desmentem oficialmente. Mas conselheiros ligados à presidência garantem que os contatos com o jogador estão mais do que avançados. Ele quer atuar no Palmeiras em 2019. O problema será negociar com os chineses...

Link Notícia: https://esportes.r7.com/prisma/cosme-rimoli/o-desejo-ricardo-goulart-o-medo-dudu-na-china-07112018