Retomada fiscalização em comércios notificados por preços abusivos em Goiânia

Procon Goiânia iniciou na quarta-feira (27) uma ação para fiscalizar os 26 estabelecimentos que foram notificados, entre os dias 26 de março e 25 de maio deste ano, por aumento dos preços de produtos como máscara e álcool em gel, sem justa causa.

De acordo com o Procon, nessa data o órgão percorreu 363 estabelecimentos, dos quais 88 foram notificados e 26 apresentaram algum tipo de irregularidade nos preços e/ou nota fiscal. A multa, conforme informou o órgão, pode variar entre R$ 700,00 e R$ 10 milhões.

Estabelecimentos têm até dez dias para  apresentarem suas defesas. A fiscalização foi montada para garantir a cobrança justa no período da pandemia do coronavírus.

Total Page Visits: 30 - Today Page Visits: 1

Recommended For You

About the Author: Robson Charles