Queiroz e filha prestam depoimento ao MPF do Rio sobre vazamentos de operação

O ex-assessor parlamentar Fabrício Queiroz prestou novo depoimento hoje ao Ministério Público Federal do Rio de Janeiro no âmbito das investigações sobre o suposto vazamento da operação Furna da Onça, do fim de 2018.

Queiroz e a filha Nathalia — que, como ele, trabalhou no gabinete do hoje senador Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) — permaneceram cerca de duas horas na sede do MPF e saíram sem dar entrevistas.

Assessores do Ministério Público disserem que eles foram ouvidos separadamente, mas não revelaram o teor das oitavas.

Queiroz já tinha sido ouvido no inquérito quando esteve preso no complexo de Bangu, após ser encontrado em uma casa do advogado Frederick Wasseff, em Atibaia (SP).

“Fabricio Queiroz, Marcia de Aguiar e Nathalia Queiroz seguem à disposição da Justiça para o devido esclarecimento dos fatos. A defesa reitera que eles não cometeram crimes que vêm sendo apontados injustamente pelo Ministério Público”, disse a defesa após o depoimento.

Uma acareação entre o senador Flavio Bolsonaro e o empresário Paulo Marinho, ex-aliado da família Bolsonaro e suplente de Flávio, está marcada para dia 21. Marinho é o autor da denúncia de vazamento da operação da PF.

A defesa de Flávio já antecipou que o senador não tem agenda disponível nessa data, mas o MPF não foi informado oficialmente.

Na operação Furna da Onça surgiram os relatórios do antigo Coaf sobre movimentações financeiras atípicas em mais de 20 gabinetes da Alerj, entre eles o de Flávio, então deputado estadual no Rio, dando origem à investigação da rachadinha.

Total Page Visits: 132 - Today Page Visits: 2

Recommended For You

About the Author: Robson Charles