PSD vai formalizar ao PMN o desejo de ingressar na ação de cassação a Rogério Cruz

Após reunião nesta quarta-feira (14), o PSD decidiu que tem o interesse de ingressar em ação, junto ao PMN, pela anulação da eleição de Goiânia, do ano passado. Segundo o presidente municipal da sigla, Simeyzon Silveira, o PSD irá notificar o PMN sobre este desejo.

“Vamos notificar e comunicar ao partido o nosso interesse e vamos aguardar o retorno, se eles têm ou não interesse que ingressemos na causa”, expôs. Simeyzon também foi coordenador da campanha de Vanderlan Cardoso, candidato do PSD na capital em 2020.

Vale lembrar, o PMN e o presidente da sigla, o ex-vereador Paulo Daher, acionaram a justiça pela anulação da eleição, no ano passado. À época, o ex-parlamentar classificou a situação como “maior estelionato eleitoral da história de Goiás”.

Vanderlan

Na terça-feira (13), à rádio CBN Goiânia, o senador Vanderlan Cardoso, que disputou terminou o pleito 2020 em segundo lugar, na capital, disse que, por ele, “o PSD já teria entrado nas ações de cassação de Rogério Cruz”. Questionado se ele acredita que houve fraude na campanha, o senador afirmou que denunciou a questão durante toda a campanha.

“Fomos muito mal interpretados. Em uma entrevista fizeram montagem na nossa fala”, se lembrou sobre posicionamentos em relação ao estado de saúde do candidato Maguito Vilela (MDB). “Dissemos que a eleição, como estava acontecendo era uma fraude, e a posse também foi uma fraude.”

Segundo ele, a saída do MDB (grupo de Daniel Vilela) e as falas da viúva de Maguito Vilela – disse que Rogério nunca se preocupou o marido – comprovam o que foi dito na campanha.

Total Page Visits: 58 - Today Page Visits: 2

Recommended For You

About the Author: Robson Charles