Estudantes denunciam abusos após palestra sobre violência sexual em Campo Limpo (GO)

Dez estudantes denunciaram terem sido vítimas de abuso sexual após assistirem palestras em Campo Limpo de Goiás. De acordo com a Polícia Militar, os abusos foram cometidos em ambientes familiares. A Polícia Civil investiga os casos.

As denúncias apareceram quando uma organização não governamental (ONG), com apoio da PM, Conselho Tutelar e Juizado da Infância e Juventude, realizou palestras sobre conscicentização contra abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes entre os dias 16 e 20 de maio, para a campanha do Maio Laranja

Na sexta-feira (20), cinco alunas chamaram palestrantes para conversar e contaram que sofriam abusos e apontaram nomes de cinco homens que estariam praticando as violências sexuais.

O Conselho Tutelar foi acionado. Com isso, as autoridades passaram a ouvir os relatos e o número de adolescentes que denunciaram abusos subiu para 10. A maioria dos casos foram com adolescentes de 12 a 15 anos, além de uma criança de 5 anos.

Suspeitos

Um dos suspeitos é um funcionário da prefeitura de Campo Limpo, que foi exonerado. Ele teria abusado de uma menina. Durante o depoimento, a mãe da garota também relatou ter sido abusada pelo mesmo homem quando tinha 13 anos.

Três homens chegaram a ser ouvidos pela Polícia Civil de Anápolis, mas negaram os crimes. A polícia investiga os casos e deve ouvir novamente as vítimas, além dos investigados.

Total Page Visits: 41 - Today Page Visits: 1

Recommended For You

About the Author: Robson Charles