Ex-assessores de Gabriel Monteiro depõem nesta quarta-feira no Conselho de Ética da Câmara

Dois ex-assessores de Gabriel Monteiro prestam depoimento nesta quarta-feira, na Câmara de Vereadores do Rio, no processo que pode terminar na cassação do ex-PM. Já foi ouvido pelo Conselho de Ética pela manhã Vinícius Hayden Witeze, que falou com os vereadores por três horas. Na tarde desta quarta, a Câmara interrogou Heitor Nazaré Neto, que também trabalhou no gabinete de Monteiro. O parlamentar e youtuber é acusado por ex-funcionários de importunação sexual, assédios moral e sexual e agressões, além de estupro e de manipulação de vídeos para postar em suas redes sociais. Ele também é réu por filmar sexo com uma menor de 15 anos.

Os depoimentos ocorrem de portas fechadas com o acompanhamento apenas dos advogados de Gabriel Monteiro. O vereador tentou acompanhar o interrogatório, mas o Conselho pediu para ele se retirar para não haver constrangimento da testemunha.

Vinícius Hayden Witeze contou, em depoimento, na investigação criminal que a Policia Civil faz contra Gabriel Monteiro, que integrava um setor de funcionários do vereador criado para investigar pessoas apontadas por ele, com o intuito de produzir vídeos que agradassem seu público e lhes garantisse uma boa monetização. Na 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes), o rapaz revelou que seu ex-chefe já lhe pedira para investigar nomes da política, como secretários municipais e estaduais e até deputados estaduais.

Já Heitor Monteiro, que trabalhava na edição dos vídeos do vereador, contou ao jornal O Globo horas após as primeiras denúncias serem divulgadas, que os assessores de Monteiro eram obrigados a “forjar histórias” e que vídeos do político “eram flagrantes preparados”. Após prestar depoimento, o ex-assessor saiu da Câmara acompanhado por seguranças pelos fundos do edifício.

Total Page Visits: 49 - Today Page Visits: 1

Recommended For You

About the Author: Robson Charles