Médica é morta enforcada por moradores de rua que ela ajudava em Minas Gerais

Uma médica de 81 anos foi encontrada morta com uma blusa enrolada ao pescoço em Uberaba, cidade de Minas Gerais, nessa segunda-feira (30). A suspeita é que ela tenha sido vítima de latrocínio – roubo seguido de morte. Os suspeitos do crime são dois moradores de rua que ela costumava ajudar dando comida e dinheiro.

O boletim registrado na Polícia Militar (PM) revela que, um taxista que prestava serviços para a vítima chegou a casa da médica para levá-la ao trabalho. No entanto, a filha da vítima, de 44 anos, que tem problemas cognitivos, pediu que o taxista subisse no apartamento delas. Ao entrar no local, ele encontrou a mulher caída no chão.

A Polícia Militar foi acionada. A filha da médica informou à corporação que a mãe ajudava dois moradores de rua que pediam comida e dinheiro na porta do apartamento. Ainda conforme a PM, uma dessas pessoas foi ao local e ficou sozinha com a idosa enquanto a filha da vítima estava na padaria.

Caso é investigado pela Polícia Civil

Segundo a PM, os dois suspeitos do crime, um homem de 42 e uma mulher de 40 anos, ambos usuários de drogas foram identificados pelas câmeras de segurança do prédio. O celular da vítima, o relógio e R$ 5 foram encontrados com o suspeito.

A mulher e o homem suspeitos do crime foram levados à Delegacia de Polícia Civil, que vai investigar o caso.

Total Page Visits: 27 - Today Page Visits: 1

Recommended For You

About the Author: Robson Charles