PT de Goiás adia, de novo, encontro para definir quem apoiar na eleição para governador

PT de Goiás adiou mais uma vez o seu encontro estadual. Antes previsto para este sábado (11), a reunião agora segue sem data. “Será remarcado com a direção nacional”, informou a presidente estadual Kátia Maria ao Mais Goiás.

Para o encontro, a expectativa era o anúncio da indicação do pré-candidato do partido para a federação (PT, PV, PCdoB) em busca de consenso disputa ao governo. Conforme nota, o adiamento ocorre por orientação do diretório nacional do Partido dos Trabalhadores.

“Considerando que as teses, que seriam debatidas no Encontro, envolvem partidos que integram a coligação nacional e amplo leque de alianças que está sendo construído em torno da candidatura do Presidente Lula e que é necessário ampliar os entendimentos com estes partidos e lideranças políticas sobre a construção dos palanques estaduais, é que se decidiu por continuar os diálogos na busca da melhor tática eleitoral”, informa nota assinada pela presidente Kátia Maria.

O encontro ocorreria, originalmente, em 28 de maio, mas foi adiado para 11 de junho. Na ocasião deste adiamento, José Eliton, então pré-candidato à disposição da federação pelo PSB, retirou o nome por “falta de consenso”. Ele também alegou que não haveria tempo hábil para construção de pré-campanha e campanha.

Nos bastidores, a informação é que o PT Nacional estaria em conversas com o ex-governador Marconi Perillo (PSDB). Eliton não teria gostado da forma “atropelada” como a situação foi tratada em relação a ele e a Wolmir Amado.

Total Page Visits: 331 - Today Page Visits: 1

Recommended For You

About the Author: Robson Charles